• semanarioradio

Governo, APADIF e Escola Secundária Manuel de Arriaga parceiros para promover o sucesso escolar

O Governo dos Açores vai renovar as parcerias que estabeleceu com a Associação de Pais e Amigos dos Deficientes da Ilha do Faial (APADIF) e com a Escola Secundária Manuel de Arriaga, no âmbito do projeto 'Juventude, Desporto e Cidadania Ativa', adiantou o Diretor Regional da Juventude.




Lúcio Rodrigues, que falava sexta-feira, na Horta, no final de uma reunião com estes parceiros, salientou que se trata de “um curso centrado num grupo específico de alunos que manifestavam insucesso escolar, com absentismo, e com baixa motivação, no geral, para a escola”.


O projeto de Curso de Formação Vocacional 'Juventude, Desporto e Cidadania Ativa' está em implementação na Escola Secundária Manuel de Arriaga ao longo de dois anos letivos, no biénio 2019/2021, envolvendo cerca de uma dezena de jovens entre os 14 e os 16 anos.


Lúcio Rodrigues salientou que estes alunos “têm apresentado uma evolução significativa, apesar de termos atravessado esta pandemia, com todas as implicações que isso teve também na área da educação”.


“No próximo ano letivo iremos manter as áreas de atuação basilares deste projeto, que são o desporto e a cidadania, e reforçaremos a aposta nas áreas vocacionais pelas quais os jovens mais demonstraram interesse, concretamente as áreas da construção civil, da energia e da carpintaria”, referiu.


Para o Diretor Regional, este projeto tem demonstrado que o “sucesso escolar está ao alcance de todos os jovens Açorianos”, sendo este um objetivo em que o Governo dos Açores tem “redobrado o seu empenho".


Lúcio Rodrigues frisou que o importante é "não deixar ninguém para trás”, acrescentando que é nesse sentido que o Governo dos Açores “tem trabalhado afincadamente”.


Nesse sentido, lembrou que o trabalho do Governo dos Açores na área da Juventude tem tido “um enquadramento de inclusão social”, estabelecendo “efetivas parcerias" com diversas instituições, permitindo desenvolver projetos como o ‘Futebol de Rua’, o ‘Equipa-te’ ou o ‘100 Diferenças’”.


“A juventude pode desempenhar cada vez mais o papel de fazer a diferença na nossa sociedade. É através de projetos como este, em que utilizamos aquilo que os jovens gostam de fazer, que conseguiremos atingir o nosso objetivo final, que é uma maior qualificação dos nossos jovens”, afirmou Lúcio Rodrigues.



Rádio Azores High / GaCS

26 visualizações

© 2019 por NF Criado com Wix.com  . Licenciamento

Logo SPA.gif
  • Facebook Clean Grey
  • mixcloud
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now