• semanarioradio

Execução do Orçamento Participativo Jovem dos Açores prestes a atingir os 100%

O Orçamento Participativo Jovem dos Açores, na sua edição de 2018, vai atingir 100% de execução na próxima semana, adiantou o Diretor Regional da Juventude, que falava na inauguração do novo palco do auditório da Escola Secundária Domingos Rebelo, em Ponta Delgada.


GaCS (c)


“Na próxima semana iremos inaugurar o projeto ‘Keeping up with the WI-FI’, na ilha do Pico, que consiste na instalação de vários hotspots de Internet na Madalena, finalizando todos os projetos aprovados em 2018”, revelou Lúcio Rodrigues, acrescentando que os projetos aprovados em 2019 também estão a “avançar a bom ritmo”.

Relativamente ao novo palco do auditório da Escola Secundária Domingos Rebelo, projeto iniciado em 2018 e de caráter bianual, Lúcio Rodrigues realçou que este investimento veio “reforçar as condições de iluminação, de som e do próprio palco, ampliando o rol de possibilidades da infraestrutura, num investimento de 40 mil euros”.

O Diretor Regional sublinhou que o Orçamento Participativo Jovem dos Açores é “uma medida criada pelo Governo Regional”, que tem como “objetivo principal envolver os jovens, dar-lhes voz e, acima de tudo, dar-lhes a força e a criatividade para poderem executar”.

“Neste caso da Escola Secundária Domingos Rebelo foi isso mesmo que aconteceu, um jovem com uma ideia concorreu ao Orçamento Participativo, a proposta foi submetida a votação, ganhou e o Governo dos Açores, através da Direção Regional da Juventude, concretizou o projeto, envolvendo o jovem signatário na sua execução”, afirmou.

Lúcio Rodrigues destacou que este equipamento “não serve apenas a comunidade escolar”, já que “muitos dos trabalhos dos alunos são apresentados à comunidade, como espetáculos e sessões para pais, encarregados de educação, familiares e convidados, mas também sessões nobres, palestras, conferências, encontros, jornadas ou espetáculos”.

O Diretor Regional da Juventude manifestou ainda “satisfação” por ver neste projeto “mais um exemplo da concretização daquilo que este Governo delineou no início desta legislatura, ou seja, uma aposta no aumento da participação cívica dos jovens”.

“Muitas vezes escutamos ou lemos acusações de que a escola não se abre à população, mas temos aqui a demonstração de que a escola se abre à população, criando uma infraestrutura que será usada pelos alunos e pela restante comunidade, um bom exemplo, que partiu da cabeça de um jovem, que foi apoiado pelo Conselho Executivo e concretizado com o financiamento do Governo dos Açores”, afirmou Lúcio Rodrigues.




Rádio Azores High / GaCS

6 visualizações

© 2019 por NF Criado com Wix.com  . Licenciamento

Logo SPA.gif
  • Facebook Clean Grey
  • mixcloud
This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now